Notícias

Governo de Minas nomeia 2.500 professores para atuar na rede estadual

09/06/2016 às 09:27

O governo de Minas Gerais publicou nesta quarta-feira (8) no Diário Oficial de Minas Gerais a nomeação de 2.500 professores para a rede estadual de educação. Do total, 2.350 atuarão nas escolas e os demais 150 nas Superintendências Regionais de Ensino (SREs) e no Órgão Central.
Entre os chamados, 2.312 correspondem ao Concurso de 2011 e os demais são do Edital 03/2014. Eles vão substituir os professores temporários que atuam na rede estadual. Além disso, o Estado teve uma série de educadores desligados que se enquadravam na Lei 100.

Nesta nova listagem são 843 educadores de anos iniciais, 204 de anos finais e ensino médio, 500 Assistentes Técnicos da Educação Básica (ATBs), 28 orientadores Educacionais e 587 supervisores pedagógicos. Todos estes foram aprovados em 2011. Outros 188 educadores de Ensino Religioso foram aprovados em 2014.

As nomeações estão sendo feitas freEm 2016, a Secretaria de Estado de Educação já nomeou 12.500 concursados. Desde março de 2015 já foram nomeados 27.557 servidores. “Assumimos a rede com quadro de professores precarizado pela falta de concursos e nomeações, um quadro total de insolvência. Daí a importância das nomeações. O desafio ainda é muito grande, mas vamos cumprir a meta de alcançar 60 mil nomeações até o fim deste mandato”, afirma a secretária de Estado de Educação, Macaé Evaristo.

DA REDAÇAÕ DO JORNAL O TEMPO

Compartilhe com seus amigos